1647 - HÁ ALGO MAIS... UM AMOR, UMA LUZ. - CLVIII*

1647 ha algo mais um amor uma luz clviii

HÁ ALGO MAIS... UM AMOR, UMA LUZ. - CLVIII*
(Para os Meus Amigos de Jornada Espiritual, de Todos os Planos)
 
Foi lá nas montanhas além do tempo...
Que nós nos vimos, despidos de nós mesmos.
Era o cerne da iniciação e nós estávamos contentes.
Estávamos honrados e unidos pela Luz.
Os espíritos da natureza foram nossas testemunhas.
Quando raiou a nova aurora, nós saudamos o sol.
Os nossos chacras** cantavam a graça de um novo dia...
Porque nós aprendemos a valorizar o dom da vida.
Ali, com todo respeito, nós representávamos os nossos ancestrais...
Sabíamos da responsabilidade de sentir a Luz em nossos corações.
Nós abraçamos a canção da manhã e nossos olhos brilhavam muito.
Nós vencemos a noite da ignorância e erguemos os véus espirituais...
E vislumbramos a Fonte Imanente em tudo!
Nós olhamos para a campina verde que descia pelas encostas do infinito...
Enquanto o Vento do Supremo soprava as cinzas de nossos propósitos mortos.
Foi assim que o Trovador Divino nos uniu, por Amor.
Sim, esse Grande Amor, que chamamos de “Espiritualidade”.
É isso que nós sentimos, que nos move ao longo de muitas vidas.
E que nos faz viver, estudar, trabalhar, rir, amar e seguir...
 
P.S.:
Ah, meus irmãos de jornada, como é bom estar com vocês novamente.
Alguns de vocês estão dentro do corpo, outros, vivendo no plano extrafísico.
Mas, nós nos sentimos, por obra e graça da Presença***.
Porque há algo mais... Um Amor e uma Luz.
Nós sabemos disso! E que alegria!
Foi lá, nas montanhas além do tempo...
Que nós fomos unidos pela Espiritualidade.
Por isso, nós nos sentimos, de coração e de maneiras admiráveis.
E, mesmo sem nos vermos, perseveramos...
Pois os nossos chacras continuam cantando.
Os espíritos da natureza são as nossas testemunhas!
Além, muito além de nossas percepções, a vida continua...
Ah, que esses escritos cheguem até vocês, em espírito e Verdade.
(Nós sabemos. Nós sentimos. Nós agradecemos. Ainda bem...)
 
Consciência.
Equanimidade.
Gratidão.
E paz e Luz.
 
Obs.:
Enquanto eu passava essas linhas a limpo, rolava aqui no meu som a música “Wheels on Beach Park”, do tecladista alemão Chris Franke (ex-membro da banda Tangerine Dream). Então, deixo, na sequência, o link do Youtube para essa linda música.
 
- Wagner Borges – mestre de nada e discípulo de coisa alguma.
 
- Notas:
* Esses escritos serão inseridos no segundo volume do livro “Há Algo Mais... Um Amor, Uma Luz”, que estou revisando para publicação em breve.(O primeiro volume do livro está disponibilizado para download gratuito nesse link: http://www.ippb.org.br/blog/livro-ha-algo-mais-um-amor-uma-luz)
** Chacras – do sânscrito – são os centros de força situados no corpo energético e têm como função principal a absorção de energia – prana, chi – do meio ambiente para o interior do campo energético e do corpo físico. Além disso, servem de ponte energética entre o corpo espiritual e o corpo físico.
Os principais chacras são sete, que estão conectados com as sete glândulas que compõem o sistema endócrino: coronário, frontal, laríngeo, cardíaco, umbilical, sexual e básico.
*** Ver o texto “Palavras Para Lembrar dos Presentes da Presença”, nesse link:
http://www.ippb.org.br/textos/1481-palavras-para-lembrar-dos-presentes-da-presenca
Se possível, ver também o texto “Iniciação - Crônica de um Despertar - III”, nesse link: http://www.ippb.org.br/textos/1627-iniciacao-cronica-de-um-despertar-iii
 

Texto <1647><31/10/2018>
 

Tags: Wagner Borges

Imprimir