62 - GOTÍCULAS DE LUZ

As nuvens escuras se dissipam, dividindo-se em incontáveis gotículas de água que se dispersam ao relento, distribuindo-se na terra ao sabor do vento, penetrando profundamente em suas entranhas e dali fazem surgir a Vida!

Assim também é o ego, como nuvens escuras que se dissipam em gotículas de água e ao longo do tempo e das vidas, vai burilando seu egoísmo, sua vaidade, seus vícios e centralismo. Acaba transformando-se em gotículas de luz que atingirão os outros que ainda estão densos em suas "escuridões". E, um dia, livre de quaisquer impurezas, serão como Sóis que aquecem as nuvens, transformando-as em chuva, dando seu calor para mover todos os Seres rumo à Evolução!

- Dr. Elson Eni -
Bento Gonçalves, 15/10/98

Obs: Este texto foi inspirado em um final de semana que passei junto à turma do IPPB em São Paulo.
/*



Texto <62><24/10/1998>

Imprimir Email