1401 - SURFANDO NAS ONDAS DA CONSCIÊNCIA FELIZ – IV*

1401-surfando-nas-ondas-da-consciencia-feliz-iv
 
 
SURFANDO NAS ONDAS DA CONSCIÊNCIA FELIZ – IV*
(Om Namo Bhagavate Vasudevaya)
 
Narananda, hoje você não O viu...
Mas Ele estava nos raios de sol da sua tarde.
Agora, Ele está na garoa que cai na noite...
Então, veja o Seu Sorriso atravessando os planos da vida.
Olhe lá fora, além do olhar comum e sinta-O no vento úmido.
Viaje com Ele nas ondas da assistência extrafísica...
Sente-se e feche os olhos da carne, para senti-Lo com o seu coração.
Abrace o mundo e pense no Bem de todos os seres, incondicionalmente.
Secretamente, ore por todos os homens da Terra e do Espaço.
Cante por eles, em Nome d’Ele. Cante com seu coração, como você sabe...
Se possível, junte os seus amigos na mesma Luz. Que eles cantem também!
Nessa noite brumosa, convide-os para verter a compaixão sobre o mundo...
Cada um no seu canto, mas unidos na mesma vontade de serem úteis no Bem...
Cada um no seu tempo, cientes de que o Amor não tem tempo para chegar.
Cada um com seu próprio jeito, sintonizados na mesma canção da imortalidade.
Querido, esse é um mundo de provas e expiações. Então, faça sua parte: cante!
Faça como os Rishis** outrora lhe ensinaram: cante de todo coração.
E Ele estará nesse canto, viajando no vento dessa noite e agindo secretamente.
Ele estará com a criança que parte, com o ancião e também junto com o bebê que chega hoje ao mundo, abençoando o seu Prana.
Diante da dor do mundo, cante... E o Amor seguirá até outros corações.
Em seu coração, você sabe: há canções de cura viajando secretamente...
E Ele está nelas, assim como estava antes nos raios solares cheios de Prana***.
Assim como está na garoa noturna e no vento úmido, agindo serenamente.
Assim como está no coração dos trabalhadores espirituais justos e conscientes.
Querido, continue cantando em Nome d’Ele, o Senhor dos Olhos de Lótus.
Cante o Nome de Krishna, de todo coração... Nessa noite de bênçãos secretas.
 
P.S.:
Nos raios de sol, Ele.
Na garoa noturna, Ele.
Na assistência espiritual, Ele
Na canção, Ele.
Em seu coração, Ele.
Em tudo, Ele.
 
(Narananda****, nessa noite, mais do que nunca, pense em Krishna.)
 
Om Namo Bhagavate Vasudevaya!*****
 
- Ananda****** –
(Recebido espiritualmente por Wagner Borges – São Paulo, 17 de janeiro de 2015.)
 
- Nota de Wagner Borges:
Não tenho como colocar em palavras o Amor que desceu aqui.
Enquanto escrevo, ainda estou com o peito, os braços e as mãos irradiando energia... E, atrevo-me a dizer, estou com o brilho do olhar d’Ele em meus olhos e, olhando lá para fora, sinto o Seu Sorriso em mim.
E, verdade seja dita, eu não estou à altura desse Amor todo!
Sei lá, olho lá fora e só vejo Ele.
Então, olho para dentro e também só vejo Ele.
Ele, que, certa vez, disse a Arjuna:
“Diante dos cadáveres da criança e do velho, pense em Mim.
Diante das tragédias do mundo, pense em Mim.
Diante do aguilhão da morte, pense em Mim.”
Ele, Krishna, o Senhor de Olhos de Lótus!
Nessa noite brumosa, é n’Ele que eu estou pensando...
(Enquanto eu passo a limpo esses escritos, rola aqui no meu som um mantra alusivo à Krishna, arranjado pelo meu grande amigo Aurio Corrá e cantado pela vocalista Laize. Trata-se do “Hare Krishna” - sétima faixa do CD “OM”. Penso que é a trilha sonora ideal para ler esses escritos e imaginar o que sentimos num lance espiritual dessa magnitude. Então, para quem quiser apreciar essa linda canção, deixo na sequência o seu link no site do Youtube: https://www.youtube.com/watch?v=L9rDclU15-8)
 
Paz e Luz.
 
- Notas do Texto:
* As três partes anteriores desse texto estão postadas no site do IPPB, no seguinte link: 
** Rishis – do sânscrito – sábios espirituais; mestres da velha Índia; mentores dos Upanishads.
*** Prana – do sânscrito - sopro vital; força vital; energia.
**** Narananda - do sânscrito, nara, o homem; ananda, estado de bem-aventurança espiritual - é um dos epítetos de Arjuna, discípulo de Krishna e considerado como o homem portador da bem-aventurança e da boa nova celeste entre os homens.
Dentro do contexto iniciático oriental, trata-se de alguém ligado às vibrações de Krishna e, portanto, também repassador das luzes do esclarecimento espiritual entre os homens. Ou seja, todos os trabalhadores espirituais ligados à bem-aventurança de Krishna são considerados como seus Naranandas (portadores das ideias e valores associados à imortalidade da consciência).
Resumindo: quem estuda e trabalha nas lides espirituais é um Narananda, pois sabe que o espírito é eterno e nada pode feri-lo, nem a água pode molhá-lo ou afogá-lo, nem fogo pode queimá-lo. Portanto, quem está firme no darma, é também um Narananda!
Obs.: Krishna - o maior dos avatares (emissários divinos) entre os hindus. O mestre de Arjuna, conforme narrado no Bhagavad-Gita (parte essencial do épico “O Maha-Bharata).
***** Om Namo Bhavate Vasudevaya - do sânscrito - é um dos mantras de evocação de Krishna.
Om é a vibração do Supremo que interpenetra a tudo e a todos.
Namo é a saudação ou reverência ao Poder Divino.
Bhagavate é o respeito ao Senhor.
Vasudeva é o nome da família carnal que criou Krishna.
Obs.: Quando alguém faz esse mantra completo, evoca Krishna como homem que também viveu aqui na Terra e sabe das dificuldades enfrentadas por todos.
****** Ananda - é um mentor extrafísico ligado às vibrações de Krishna. Trata-se de um dos amparadores espirituais que me orienta há muitos anos na jornada espiritual e humana.

Texto <1401><24/03/2015> 

Imprimir Email